Arquidiocese celebra o Ano Mariano no Santuário da Mãe e Rainha

Por Barbara Beraquet | publicado em | Arquidiocese

Mons. Rafael. Foto de Padre Renato Petrocco.

Depois de vários dias de frio intenso na região de Campinas/SP, finalmente chegou o dia da XVI Romaria Arquidiocesana ao Santuário da Mãe Três Vezes Admirável de Schoenstatt em Atibaia/SP, nesse domingo, 23 de julho. O dia amanheceu com baixa temperatura, mas em minutos o calor foi chegando e junto os primeiros ônibus, com muitos romeiros – vários pela primeira vez –, iam adentrando o espaço sagrado do Santuário. Cerca de 4.400 pessoas da Arquidiocese peregrinaram até Atibaia.

A emoção tomou conta daqueles que acompanharam a procissão até o Santuário, tendo à frente as bandeiras das cidades da região de Campinas e a bandeira do Movimento Apostólico de Schoenstatt. Para celebrar o Ano Mariano, houve uma encenação do encontro da imagem da Imaculada Conceição Aparecida, por três pescadores. As lágrimas tomaram conta de muitos olhares que não se continham. A catequese da manhã foi encerrada com a adoração e bênção do Santíssimo, indicando a missão de Maria, que é levar todos a Jesus.

No período da tarde os milhares de romeiros meditaram juntos a oração do Terço, contemplando os mistérios gloriosos. A surpresa da tarde deu-se com um grande manto azul descendo sobre a cabeça de todos, no compasso da música que dizia “Cubra-me com teu manto de amor”. O tecido abrigava, simbolicamente, a cada filho sobre o regaço da Mãe Aparecida, que acolhia a todos.

Encerrando o dia mariano, foi celebrada a Santa Missa, presidida pelo Monsenhor Rafael Capelato, vigário geral da Arquidiocese de Campinas e pároco da Paróquia Nossa Senhora da Conceição (Catedral de Campinas), acompanhado por mais cinco sacerdotes.

O Mons. Rafael Capelato, em sua homilia, alertou que “o reino de Deus não acontece após a nossa partida dessa vida, depois de nossa morte, mas deve ser vivido e sentido aqui, nessa terra, no dia a dia” e convidou a “ter a virtude de saber separar o joio do trigo… e que pautemos a nossa vida no bem, na justiça, na paz e naquilo que agrada e faz a vontade de Deus”.

Resumindo a visita, como filhos da Mãe e Rainha, esse foi um dia de graças especiais e, entre todos, é unânime a vontade de voltar no próximo ano à ‘Casa da Mãe e Rainha’, como é carinhosamente conhecido o Santuário.

Veja as fotos aqui.

Texto: Cirino Pereira da Silva
Fotos do FlickR: Josefa Terezinha dos Santos


Pesquisa



Veja Também

Videos