• Padre Henri Karam Amorim

    Pároco da Paróquia São Pedro Apóstolo (Sumaré)

    O Pe. Henri Karam Amorim nasceu em Belo Horizonte, MG, no dia 21 de setembro de 1965 e foi criado na cidade de Brumadinho, MG. Filho de Paulo Jair de Amorim (in memoriam) e Helena Karam Amorim, é o terceiro filho entre os seis irmãos.Aos 13 anos foi para o seminário dos Padres Betharramitas em Passa Quatro, MG, onde terminou o Ensino Fundamental e fez o Ensino Médio. De 1984 a 1986, no Seminário Betharramita de Belo Horizonte, fez os estudos de filosofia na PUC de Belo Horizonte. Em 1987 esteve no Seminário de Paulínia, SP, realizando o seu noviciado. Em 1988 morou na cidade de Santa Luzia, MG, na Paróquia de São João Batista, realizando o seu estágio pastoral. De 1989 a 1992 volta ao Seminário Betharramita de Belo Horizonte para estudar teologia no Centro de Estudos Superiores dos Jesuítas.No dia 07 de março de 1992 foi ordenado Diácono na Paróquia Sagrado Coração de Jesus, Nova Granada, em Belo Horizonte, retornando à cidade de Santa Luzia para o exercício do seu diaconato. No dia 30 de agosto de 1992 foi ordenado Presbítero em Brumadinho, na Igreja de Santa Miriam de Jesus Crucificado, por Dom Sebastião Roque Rabelo Mendes, na época Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte.Logo após a sua Ordenação Sacerdotal, foi nomeado para trabalhar em Paulínia, onde ficou durante 17 anos. Em Paulínia foi Vigário da Paróquia Sagrado Coração de Jesus até o ano de 2000, quando assumiu, como Primeiro Pároco, a recém-criada Paróquia Nossa Senhora do Belo Ramo.Em fevereiro de 2009, depois de fazer um processo de acompanhamento espiritual, decidiu começar uma nova experiência na Arquidiocese de Campinas, onde foi acolhido e transferido por Dom Bruno Gamberini para Sumaré, com a missão de ajudar na formação da futura Paróquia de São Pedro Apóstolo. Este sonho de todos se realizou em 2010, quando Pe. Henri assumiu, como Primeiro Administrador, a nova Paróquia. Em fevereiro de 2014, Dom Airton José dos Santos, Arcebispo de Campinas, depois de aprovar a sua incardinação na Igreja de Campinas, achou por bem confirmar a sua caminhada na Paróquia São Pedro Apóstolo e nomeou-o como Pároco.Foi na Arquidiocese de Campinas que Pe. Henri passou a totalidade dos seus 25 anos de sacerdócio, dedicando a sua vida ao serviço das comunidades, animando e administrando a vida pastoral, material e espiritual das Paróquias por onde passou. Neste tempo celebrou muitas missas, casamentos e batizados; atendeu doentes de todas as idades; realizou incontáveis confissões de pecados e orientações de vida às pessoas necessitadas; fez inúmeras reuniões a fim de orientar pastoralmente a caminhada do Povo de Deus a ele confiada além de coordenar várias equipes de construções.Certamente foi um tempo de muito trabalho e oração, gerando obras visíveis e que não podem ser vistas; foi um tempo de busca intensa da formação da consciência comunitária como forma privilegiada de construir um mundo e uma vida melhor para todos; foi um tempo de verdadeiro ensinamento e aprendizagem, em que todos, padres e leigos, serviam, aprendiam e ensinavam ao mesmo tempo uns aos outros, sabendo que só Cristo é o único e verdadeiro mestre. Enfim, Pe. Henri fez e faz do seu sacerdócio um serviço a Deus, à Igreja presente em vários lugares e a todos que passam pelo seu caminho. Louvado seja Deus pelo dom da sua vida e do seu ministério sacerdotal entre nós.
  • Informações

Veja mais em Padres Diocesanos