Dom Airton José dos Santos avalia 50ª Assembleia Geral da CNBB

24/04/2012
Barbara

O Arcebispo Metropolitano de Campinas, Dom Airton José dos Santos, está presente e participando da 50ª Assembleia Geral (AG) da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que se realiza em Aparecida (SP), entre os dias 17 e 26 de abril deste ano. Ele apresenta uma avaliação dos trabalhos dos bispos.

Sobre o tema central da Assembleia deste ano, “Palavra de Deus na vida e missão da Igreja”, Dom Airton afirmou que, hoje, terça-feira, 24 de abril, foi aprovado pelos bispos o documento sobre a Palavra de Deus; documento este que, após publicado, inspirará grupos de reflexão, grupos bíblicos e tantos mais em todo o país. O texto, que Dom Airton avalia como rico, será de extrema importância para nortear também os trabalhos na Arquidiocese de Campinas, como subsídio e apoio para leigos, agentes de pastoral, animadores e comunidades.

O evento não só reúne 335 bispos de todo o país, como celebra também os 60 anos da CNBB e os 50 anos do início dos trabalhos do Concílio Ecumênico Vaticano II (1962-1965). Estas datas, bem como ser esta a quinquagésima edição da Assembleia Geral, são marcos especiais, de acordo com Dom Airton, que fazem deste um encontro comemorativo. Para o Arcebispo Metropolitano, a AG tem outro caráter, ainda, o de promover a intensa convivência entre os bispos presentes. Esta oportunidade, valiosa na opinião de Dom Airton, “nos revela como nossa Arquidiocese de Campinas é referência para muitas outras dioceses, seja pela PUC-Campinas, seja pelos trabalhos que desenvolvemos”.

O tema central busca promover uma reflexão sobre a Bíblia como instrumento de evangelização, mas outros assuntos, como a Jornada Mundial da Juventude, na capital carioca, em julho de 2013, serão tratados. A pauta de trabalhos para hoje será intensa.

Estão previstos mais quatro escrutínios para a escolha dos delegados do episcopado brasileiro para o próximo Sínodo dos Bispos, que se realizará em Roma, no mês de outubro, com o tema “Nova Evangelização para a transmissão da fé cristã”.

A parte da manhã foi reservada à comunicação das comissões episcopais para a Missão Continental, coordenada por Dom Adriano Ciocca, e da Ação Missionária e Cooperação Intereclesial, coordenada por Dom Sérgio Braschi, e para discussão de assuntos da Comissão de Liturgia e apreciação de textos de notas e mensagens do episcopado.

O tema central desta 50ª AG também está na pauta, além de comunicados da Comissão Brasileira de Justiça e Paz. No período da tarde, os bispos tem mais uma reunião reservada, e no início da noite, serão os encontros das Comissões Episcopais Pastorais com os bispos referenciais dos Regionais.

Foto: Rodrigo Enéas/ CNBB

Acompanhe a cobertura da 50ª Assembleia Geral da CNBB no link abaixo: