Encontro das famílias em junho, concomitantemente em Roma e todas as dioceses do mundo

Por Sandra | publicado em | Arquidiocese

Com o coração e o olhar voltados para a família, que é a base da sociedade e de todo ser humano, de 22 a 26 de junho deste ano acontecerá o 10º Encontro Mundial das Famílias, em Roma, com a presença de representantes das conferências episcopais e dos principais movimentos familiares internacionais. Do Brasil, participarão cinco bispos, um padre e 15 casais da Pastoral Familiar.

“O Papa lançou um grande desafio: o encontro que vai acontecer em Roma, será realizado, concomitantemente, em todas as dioceses do mundo, nos mesmos dias e com a mesma programação”, destacou o bispo de Rio Grande e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Ricardo Hoepers.

O encontro, que se estenderá pelas Igrejas Particulares de todo o mundo, com o objetivo de promover a participação do maior número possível de pessoas, terá como tema central O Amor na família: vocação e caminho da santidade.  “Em 2021 a Exortação Apostólica Amoris Laetitia completou cinco anos e o Papa pediu que toda a Igreja voltasse a trabalhar este documento. Então, em 19 de março do ano passado, iniciamos o Ano Amoris Laetitia e vamos encerrar com o 10º Encontro Mundial”, disse dom Ricardo.

Em Roma, o Papa fará uma grande abertura, no dia 22 de junho. Nesta mesma data, no Brasil, haverá uma Missa na Basílica Nacional de Aparecida; e, em nível arqui(diocesano), cada Igreja Particular é convidada a organizar o encontro de acordo com a  realidade local. Contudo, é importante ressaltar que a programação será a mesma em todo o mundo. “Vai ser bem interessante porquê é um encontro mundial que vai chegar a todas as Igrejas e a todas as comunidades, inclusive as mais distantes”, afirmou dom Ricardo.

Nos dias 23, 24 e 25 serão desenvolvidas temáticas nas quais serão trabalhadas as propostas, com formações e aprofundamentos. Já no dia 26 de junho, o Santo Padre encerrará o encontro, em Roma, com o Ângelus, e cada arqui(diocese) será convidada a realizar o encerramento, reunindo as pessoas para mostrar que a família vale a pena.

“É um grande desafio e uma grande riqueza. É um desafio, de fato, conseguir envolver o maior número de dioceses e de paróquias, o que não é difícil para a Pastoral Familiar, que está presente em muitas dioceses. A família deve ser uma prioridade no mundo inteiro. É um grande encontro e nós esperamos a participação de todos”, asseverou dom Ricardo.

Quem desejar saber mais informações sobre o 10º Encontro Nacional das Famílias, deve acessar o site: http://vidaefamilia.org.br/

Fonte: Site da CNBB


Pesquisa



Veja Também