Abertura Porta Santa

15/02/2016
Link para este vídeo:
‹ VOLTAR A LISTA COMPLETA DE VÍDEOS
Código para incorporar no seu site:

o dia 11 de abril de 2015, véspera do 2º Domingo da Páscoa, também chamado Domingo da Divina Misericórdia, a Igreja foi mais uma vez alegremente surpreendida pelo Papa Francisco que, através da bula Misericordiae Vultus (O Rosto da Misericórdia), convocou a Igreja para um Ano Santo, chamado por ele “Ano Extraordinário da Misericórdia”.

Este Jubileu começa no dia 08 de dezembro de 2015, na Solenidade da Imaculada Conceição, com a abertura da primeira Porta Santa na Basílica de São Pedro. Esse dia “coincide com os 50 anos de conclusão do Concílio Vaticano II, que indicou a necessidade da Igreja buscar novas formas para ser presença eficaz no mundo” (MV). O encerramento será no dia 20 de novembro de 2016, Solenidade Litúrgica de Jesus Cristo Rei do Universo.

No domingo seguinte à Abertura da Porta Santa em Roma, que será o 3º Domingo do Advento, dia 13 de dezembro de 2015, foi aberta a Porta Santa na Catedral de Roma (Basílica de São João do Latrão) e nas catedrais de todo o mundo, para todos os fiéis, como um momento extraordinário de graça e renovação espiritual.

Na Arquidiocese de Campinas, as Igrejas definidas como referência para as peregrinações são a Catedral Metropolitana e a Basílica Nossa Senhora do Carmo. No dia 13 de dezembro, às 09h00, saiu Procissão da Basília Nossa senhora do Carmo até a Catedral, onde Dom Airton presidiu a Celebração de Abertura da Porta Santa. Também na Basílica do Carmo, às 18h30, Dom Airton presidiu a Celebração da Abertura da Porta Santa.

Algumas ações são sugeridas para serem colocadas em prática durante o ano Jubilar:

Divulgar e incentivar a vivência do Ano Santo;
Incentivar e promover a peregrinação (pessoal ou grupal) para a Igreja de referência do Ano Santo;
Promover Celebrações Penitenciais com frequência;
Divulgar mais os horários de Confissão e Atendimento das Comunidades;
Cantar ou rezar a Salve Rainha em todos os Domingos e Festas;
Planejar o Ano nas Paróquias, considerando os eventos programados no Jubileu;
Preparar vivências especiais na Quaresma, na perspectiva da misericórdia;
Preparar a iniciativa “24 horas para o Senhor”, na sexta-feira e sábado anteriores ao 4º Domingo da Quaresma, nos dias 04 e 05 de março;
Ensinar e praticar Obras de Misericórdia, corporal e espiritual;
Orientar sobre as Indulgências, conforme a Bula Misericordiae Vultus;
Participar com afinco da Jornada Missionária, a ser realizada de 03 de outubro a 08 de dezembro de 2016, com a visita da imagem de Nossa Senhora Aparecida. Será oportunidade de expressar e testemunhar o olhar misericordioso da Igreja para as diversas realidades, inspirados no olhar misericordioso de Maria, a Mãe de Misericórdia – Olhos misericordiosos. A imagem será buscada, em Aparecida, no dia 03 de outubro, segunda-feira. Neste dia iniciaremos a Novena em todas as Comunidades; no dia 12 de outubro, quarta-feira, faremos uma grande Celebração de Envio para a Jornada Missionária da Misericórdia. Terminada a Jornada, a imagem continuará na Arquidiocese, visitando as Paróquias conforme programação própria, até a grande Peregrinação ao Santuário Nacional de Aparecida.
Promover as Catequeses próprias sobre as Obras de Misericórdia (valorizar o que já existe); as Celebrações Penitenciais; as Indulgências; e as Peregrinações.
Participar dos Jubileus Específicos programados:

* Dia 02 de fevereiro – Terça-feira

Jubileu dos Religiosos, com o Encerramento do Ano da Vida Religiosa.
* Dia 20 de março – Domingo de Ramos

Jubileu dos Jovens.
* Dia 03 de abril – Domingo da Misericórdia

Jubileu dos Enfermos e Profis-sionais da Saúde.
* Dia 1º de maio – Domingo

Jubileu dos Trabalhadores.
* Dia 03 de junho – Sexta-feira

Jubileu dos Sacerdotes, na Soleni-dade do Sagrado Coração de Jesus.
* Dia 06 de agosto – Sábado

Jubileu dos Encarcerados.
* Dia 10 de agosto – Quarta-feira

Jubileu dos Diáconos, no Dia de São Lourenço.
* Dia 20 de agosto – Sábado

Jubileu da Família, nas comemo-rações da Semana da Família.
* Dia 07 de setembro – Quarta-feira

Jubileu dos Agentes de Pastoral.
* Dia 08 de outubro – Sábado

Jubileu da Vida, no Dia do Nascituro, na Semana da Vida.
* Dia 20 de novembro – Domingo

Encerramento do Ano Santo, com Missa em todas as Paróquias, com folheto próprio preparado pela Arquidiocese.

Enfim, é uma programação intensa para ser vivida com intensidade e amor por toda a Igreja. Como nos diz o Papa Francisco, na Bula Misericordiae Vultus, “Chegou de novo, para a Igreja, o tempo de assumir o anúncio jubiloso do perdão. É o tempo de regresso ao essencial, para cuidar das fraquezas e dificuldades dos nossos irmãos. O perdão é uma força que ressuscita para nova vida e infunde a coragem para olhar o futuro com esperança” (MV 10)

fonte: Arquidiocesecampinas.com


Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.