Paróquia Nossa Senhora das Dores


Criada em 27 de agosto de 1936
Pároco: Monsenhor João Luiz Fávero


Rua Maria Monteiro, 1212 - Cambuí
13015-152 -
- Campinas, SP

(19) 3252.4839
http://www.igrejansdores.org.br
Terça a sexta-feira, às 17h00
Sábado, às 17h00
Domingo, às 08h30, 11h00 e às 18h30
Atendimento da Secretaria:
Terça a sexta-feira, das 08h30 às 19h00
Sábado, das 14h30 às 20h30
Domingo, das 07h30 às 12h30 e das 17h30 às 20h00

Atendimento do Padre:
Terça e quinta-feira, a partir das 15h00
Quarta e sexta-feira, a partir das 16h00

A Paróquia foi criada por decreto de Dom Francisco de Campos Barreto, de 27 de agosto de 1936, tendo sido desmembrada da Paróquia Nossa Senhora do Carmo. Seu primeiro pároco foi o Pe. Manuel Garcia do Amaral, sucedido pelo Pe. Luís Fernando de Abreu, Pe. Lázaro Mütschele, Pe. Antonio Mariano da Silva Camargo e conta atualmente com Pe. José Antônio Moraes Busch.

A Igreja matriz teve lançada a sua pedra fundamental no dia 8 de agosto de 1937. O projeto arquitetônico é do Dr. Hoche Segurado e o projeto da arte final, no acabamento interno do templo é obra do Prof. Olavo Sampaio.

Paróquia de Nossa Senhora das Dores situa-se no Cambuí e canonicamente está configurada pelo território entre as ruas Sampainho, Júlio de Mesquita, Major Sólon, Avenida Norte-Sul e antigo leito da estrada de ferro Mogiana. A Paróquia pertence a Forania Coração de Maria e fazem parte da Paróquia de Nossa Senhora das Dores a Capela de Santa Cruz, situada no Largo de Santa Cruz, as Capelas do Colégio Progresso Campineiro e a do Colégio Madre Cecília e o Santuário Menino Jesus de Praga, que há vários anos tem contado com os serviços de um presbítero, atualmente, o Pe. Luiz Roberto Benedetti. Mantém ainda, um trabalho com uma Capela-irmã, situada no Rozolém, em Hortolândia, construída pela Paróquia de Nossa Senhora das Dores e com a assistência permanente dos Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística.

A vida pastoral da Paróquia é orientada pelo Conselho Paroquial de pastoral e, administrativamente, o pároco conta com o Conselho para assuntos econômicos. As atividades pastorais são coordenadas em sete Áreas Pastorais, sendo que em cada área situam-se atividades afins com equipes e coordenações próprias.

Os coordenadores de cada uma das Áreas Pastorais constituem o Conselho Paroquial de Pastoral, juntamente o pároco, o Assistente Administrativo e a diretora do Espaço Social para atividades comunitárias.

Entre as Pastorais e Serviços muito atuantes e diferenciados, destacam-se a Pastoral da Saúde, o Setor de Geração de Trabalho que deu origem a cooperativas de recicláveis, a Oficina de Costura e Bazar Beneficente que produzem e disponibilizam roupas e enxovais de bebê para necessitados, o Sopro de vida que atua na periferia, o Serviço de Evangelização nos casamentos, o Serviço de Formação permanente que oferece Curso Bíblico há doze anos, os Serviços de Escuta Cristã e de Acolhimento à gravidez indesejada. Também o Grupo Sopro de Vida com atuação constante na Comunidade do Jardim São Luís, Paróquia de Jesus Cristo Libertador.

Estima-se a população da região paroquiana em 20 mil pessoas, sendo que cerca de 2,500 participam das missas de final de semana.