Padre Luiz Roberto Teixeira Di Lascio

Padre Luiz Roberto Teixeira Di Lascio
Pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Pompeia (Campinas)

Data de Nascimento: 05/07/1949
Ordenação Diaconal: 19/03/1984
Ordenação Presbiteral: 25/11/1984

+55 19 3227.2128
lros@uol.com.br

Padre Luiz Roberto Teixeira Di Lascio nasceu no dia 05 de julho de 1949, na cidade de São Paulo, SP, filho de Domingos Di Lascio e Anna Teixeira Di Lascio.

Fez o Curso primário no Instituto Cristóvão Colombo, Ipiranga, em São Paulo, de 1956 a 1958 e no Colégio Maria José, Bela Vista, SP, de 1958 a 1959; o ginasial na EEPSG Raul Briguet, em Itapevi, SP, de 1963 a 1966, Colégio Maria José em 1967; o colegial na EEPSG Maria Augusta Saraiva, Bela Vista, SP, de 1968 a 1970; Técnico em Administração de Empresas no Colégio Capi, em São Paulo, de 1970 a 1971.

Ingressou na Congregação da Pequena Obra da Divina Providência (Orionistas) em 1976. Cursou os estudos de Filosofia na Escola Beneditina do Brasil, no Rio de Janeiro, de 1976 a 1977; Noviciado em 1979; Teologia na PUC-RJ de 1980 a 1982; e concluiu a Teologia na Faculdade Nossa Senhora da Assunção, em São Paulo, de 1982 a 1984; Licenciatura em Filosofia na Faculdade Dom Bosco de Filosofia, Ciências e Letras em São João Del Rei, MG; iniciou os estudos de Pós-graduação em Teologia Sistemática da Espiritualidade na Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, em São Paulo. Participou de vários congressos de Teologia e comportamento social e da formação acadêmica de Parapsicologia e Religião.

Foi ordenado Presbítero, na Festa de Cristo Rei, no dia 25 de novembro de 1984, no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo, pelas mãos do Cardeal Dom Paulo Evaristo Arns.

Na Congregação dos Orionistas foi Diretor de Obras Sociais de Nossa Senhora Achiropita, Bela Vista de 1985 a 1987; Pároco e Diretor de Obras Sociais da Paróquia Santa Teresa de Jesus, em Porto Alegre, RS, de 1988 a 1989. Em 1990 fez o Curso de Espiritualidade Orionina, na Itália. Depois, foi Diretor de Obras do Instituto Nossa Senhora de Fátima, em Guararapes, SP, em 1990. No período de 1991 a 1993 trabalhou junto com o Padre Haroldo Rahm, nas Fazendas do Senhor Jesus, obra de recuperação de dependentes químicos como Assistente Espiritual e orientador de retiros e encontros do Amor Exigente. Depois fez Experiência Pastoral nos EUA junto a imigrantes latinos americanos. Foi Diretor das Obras Sociais e vice-Pároco da Paróquia Nossa Senhora Achiropita, Bela Vista. Depois de 1995 a 1997, foi Vice-Diretor do Pequeno Cotolengo, Orionópolis Catarinense, em Florianópolis, entidade que cuida de pessoas com deficiência física e mental em Santa Catarina. Em 1998 e 1999 foi Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora de Achiropita e trabalhou como coordenador dos Projetos Sociais e Voluntariado na empresa Intermédica Sistema de Saúde.

No ano 2000, Ano Santo, veio para Campinas, solicitando a Dom Gilberto Pereira Lopes e ao Conselho de Presbíteros a permissão para um período de experiência na Arquidiocese. Recebeu, no dia 09 de março de 2000, Delegação especial como pastor próprio das Comunidades dos Jardim São Marcos, Jardim Campineiro e Jardim Santa Mônica. Foi nomeado, em 20 de agosto de 2002, Assessor Eclesiástico da Comissão Arquidiocesana de Pastoral Carcerária.

Recebeu o Decreto de Incardinação para a Arquidiocese de Campinas, da Pequena Obra da Divina Providência (Dom Orione), em 25 de fevereiro de 2003.

É o idealizador e trabalhou pela criação da Paróquia São Marcos, O Evangelista. No dia 14 de dezembro de 2004 foi nomeado e em 14 de abril de 2005 tomou posse como seu primeiro Pároco. Foi por dois mandatos eleito Vigário Forâneo da Forania Nossa Senhora do Rosário, em dezembro de 2005 e em dezembro de 2008.

É o criador dos Projetos Cerco da Misericórdia, Movimento Palmas para a Paz, Cerco pela Paz, Vamos Florir nossos jardins, Fraternidade Peregrinos de São José e da Campanha Abra as Portas a São José.

É autor dos livros: Cerco da Misericórdia e a Cruz da Misericórdia (editora Ave Maria); Vamos celebrar a Eucaristia com nossas crianças (editora Paulinas); Terço Abençoado de São José (editora Palavra e Prece); São José O patrono do nosso tempo (editora Loyola); As Lições de um Pequeno Beija Flor e Cerco pela Paz e Palmas para a Paz.

Formado na profissão de radialista e psicoterapeuta holístico é membro licenciado pelo Sindicato dos Terapeutas do Brasil.Trabalha como comunicador de programas de rádio e televisão e colaborador colunista do Jornal Correio Popular de Campinas. É comunicador na TV Século XXI e outras emissoras de televisão e rádio do Brasil.

Esteve à frente da Paróquia São Marcos, O Evangelista, por 11 anos, onde desenvolveu o projeto ecológico Vamos Florir nossos jardins, plantando 16 mil árvores em toda a extensão da Paróquia.

Em dezembro de 2005 foi nomeado por Dom Bruno Gamberini, Arcebispo Metropolitano de Campinas, como Assessor de Comunicação da Arquidiocese de Campinas.

Reconhecimentos: Recebeu o titulo Cidadão Campineiro em 1º de setembro de 2002; o Prêmio Herbert de Souza, em 2002; o Prêmio Centenário de Ary Barroco, em 2003; a Medalha Arautos da Paz, em 2004; o Prêmio de Prata da RAC-Sanasa, de Responsabilidade Social.

Em 2009 foi-lhe conferido o título Cidadão do Bixiga, em São Paulo. Recebeu a Medalha Cônego Milton Santana, em 14 de dezembro de 2010, pelo empenho em prol da dignidade humana e na luta contra a exclusão social e integração do cidadão.

Deu o nome à Praça Arauto da Paz, em 2002, situada na cidade de Campinas. Participou do Rock in Rio, na Tenda da Paz como conferencista do Projeto por um Mundo Melhor.

No ano de 2009, em comemoração ao Jubileu de Prata Sacerdotal, foi convidado para participar como um dos palestrantes, representando o Brasil, no Congresso Josefino, em Kalish, Polônia, com o tema: São José O Patrono do nosso Tempo. Na ocasião encontrou-se com o Papa Bento XVI e recebeu uma bênção especial do Papa pelo seu 25º aniversário de ordenação sacerdotal. No dia 1º de dezembro de 2010, recebeu autorização de Dom Bruno Gamberini para fazer o Ano Sabático a partir de abril de 2011.

Em 26 de Abril de 2013 foi nomeado Pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Pompéia em Campinas.